Cibersegurança: passos práticos que você pode dar agora para evitar invasões de hackers

publicado 18/01/2021 16h49, última modificação 27/01/2021 10h08
Brasil – Pessoas e infraestrutura são peças-chave para evitar crimes virtuais no ambiente corporativo
Cibersegurança

A pandemia acelerou o modo como as empresas fazem negócios e fez com que as organizações acelerassem, do dia para a noite, sua transformação digital. Embora grande parte dos colaboradores tenham se adaptado rapidamente à migração das atividades para o home office, poucas empresas estavam preparadas para o imediatismo e escala desta transição – o que se tornou um teste de resiliência para a área de tecnologia.  

Antes considerada apenas uma ação reativa aos ataques, hoje a cibersegurança figura entre as primeiras colocadas na lista de prioridades das empresas. Com a pandemia, as atividades corporativas se tornaram um terreno fértil para hackers: hoje é mais difícil cumprir as políticas tradicionais de segurança e tarefas operacionais anteriormente realizadas no escritório, como patches e atualizações, foram deixadas de lado. 

“Novos desafios entraram em cena e novas oportunidades foram criadas para cibercriminosos, que aproveitam os eventos atuais para tirar vantagem de alvos vulneráveis e avançar suas atividades por meio de novos canais”, alerta Tom Burt, Vice-Presidente Corporativo de segurança e Confiança do Cliente da Microsoft.  

 

CIBERSEGURANÇA VEIO PARA FICAR 

A pandemia forçou as lideranças a repensarem algumas prioridades em relação à segurança – e o resultado foi positivo. De acordo com o Microsoft Digital Defense Report, 58% dos líderes afirmam que aumentaram seu orçamento de tecnologia nos últimos meses e 82% investiram em equipes especializadas no combate à cibercrimes. 

As iniciativas estão no caminho certo, afinal, a tendência é que até 2022 mais da metade dos dados corporativos sejam processados na nuvem. Com a consolidação de uma operação híbrida ou totalmente à distância, é esperado que o número de tentativas de invasão aumente a cada ano – e as organizações, sejam elas públicas ou privadas, precisam inovar para gerenciar riscos de segurança e capacitar seus funcionários.

A boa notícia é que existem inúmeras oportunidades de trazer mais resiliência neste momento e evitar crimes no ecossistema digital. Sabendo da importância de criar uma barreira eficaz e completa contra ataques virtuais, em parceria com a Microsoft, lançamos um e-Book gratuito sobre o tema: passos práticos que você poder dar agora para ter uma empresa preparada para o futuro. Acesse o material completo aqui.