Saiba como gerenciar seu fluxo de caixa durante o coronavírus

publicado 10/06/2020 12h02, última modificação 10/06/2020 12h02
Brasília – Ter um bom plano financeiro e um comitê de crise são algumas das dicas reunidas por especialistas em cartilha digital
SITE_BANNER-DESTAQUE_800X400_02.jpg

Em momentos de incerteza como o da crise atual do coronavírus, um dos efeitos colaterais é a redução do capital disponível no mercado, o que afeta o fluxo de caixa. Isso acontece por uma série de razões, dentre elas a dificuldade dos agentes financeiros em projetar cenários futuros e precificar corretamente o dinheiro no tempo, e da busca por ativos mais conservadores por parte dos investidores. É preciso preparar o fluxo de caixa para o contexto de crise para manter o desempenho da organização durante a crise.

Na análise de Bernardo Miranda, Sócio e Head América do Norte da Falconi, e Rhuana Rodrigues, Sócia da Chenut Oliveira Santiago Advogados, diante desse cenário, as companhias precisam olhar para dentro e avaliar os ajustes que fazem sentido para o modelo de negócios – principalmente já pensando em retomada. “O caixa é um indicador crítico que garante a operação das organizações”, lembra Bernardo.

A dica principal dos executivos, presente no tópico ‘Fluxo de Caixa’ em nossa cartilha digital ‘Gestão de Crise Covid-19’, é criar um comitê de crise. Assim, será possível colocar em prática um dos elementos básicos para o início da tomada de decisão: olhar para o nível de liquidez da companhia e entender a nova necessidade física e operacional. Na visão dos especialistas, sem esse diagnóstico, provavelmente o empresário vai focar em problemas que não necessariamente são mais relevantes em nível de hierarquia, de facilidade de implementação e de impacto eminente.

“Em tempos de crise, faça a gestão de forma precisa do caixa: tome ações rápidas, embasadas por análise e que permita a empresa passar pelo momento de turbulência com menos estresse. Para isso, recomenda-se o diagnóstico do nível de liquidez”, acrescenta Bernardo. Além disso, saber quais são os tributos a serem pagos e conseguir postergá-los ao máximo, de acordo com o que o governo permitiu recentemente, possibilitará o trabalho com o fluxo de caixa em longo prazo.

 

CONTEÚDO DE SOBREVIVÊNCIA

Todas essas dicas citadas estão presentes no tópico de fluxo de caixa da nossa cartilha digital ‘Gestão de Crise Covid-19’. Nesse guia prático para enfrentamento da crise, selecionamos um conteúdo exclusivo abordado em cinco atividades realizadas pela nossa regional em Brasília.

Além da gestão estratégica, a cartilha contém dicas sobre gestão estratégica, questões trabalhistas, saúde mental e comunicação estratégica. Clique aqui e faça o download gratuito do conteúdo completo.