Ambiente para fazer negócios no Brasil é um dos mais hostis do mundo

publicado 22/07/2014 15h52, última modificação 22/07/2014 15h52
São Paulo - Ranking avalia 143 economias a partir de 81 indicadores sobre o tema
tabela-1.jpg-3218.html

O Brasil ocupa a posição 137 no ranking mundial de ambiente de negócios, segundo pesquisa publicada pela Universidade de Cornell,  INSEAD (escola de negócios europeia) e WIPO (Organização Mundial para a Propriedade Intelectual), que compõem anualmente o Índice Global de Inovação (GII- 2014), avaliando 143 países. No critério sobre ambiente de negócios, o Brasil fica a frente apenas de Venezuela, última colocada, Guiné, Miamar, Bolívia, Gâmbia e Angola. Segundo o relatório, os fatores que mais rebaixaram o Brasil no ranking foram  as dificuldades de se abrir um negócio, de resolver problemas e de pagar tributos.

No  ranking mundial de inovação, o Brasil ficou com a 61ª posição. O estudo reconhece a inovação como fator principal para o desenvolvimento econômico e tem como objetivo repassar diversos dados sobre o tema visando o crescimento de economias desenvolvidas e emergentes. Os países são avaliados a partir de 81 indicadores diferentes, que servem de referência para a pontuação geral do ranking geral de inovação.

Em inovação, o Brasil se manteve praticamente estável em relação ao ranking de 2013, avançou apenas 3 posições, de 64º para 61º; porém  manteve a mesma pontuação do ano anterior. Como ponto positivo, o Brasil obteve boa classificação no item absorção de conhecimento (25º), onde o país foi bem pontuado em itens como pagamento de licenças e royalties, importação de tecnologia e importação de serviços de informação e comunicação.

Em relação aos países da América do Sul, o Brasil ficou em segundo lugar, atrás apenas do Chile, que ficou na 46ª colocação no ranking geral. A Venezuela foi a pior colocada entre os sulamericanos, ficando na 122ª posição.

Dentre os BRICS, o Brasil ficou na frente apenas da Índia, na 76ª posição. A China ficou à frente no grupo, ocupando a 29ª colocação geral.

Clique aqui para ter acesso ao relatório completo do Índice Global de Inovação, ou se preferir acesse o site: http://www.globalinnovationindex.org/content.aspx?page=GII-Home

Conteúdo
GII2014v5.pdf por admin — última modificação 22/07/2014 13h49
registrado em: