Marcos Troyjo cita três fatos que todo o brasileiro deve saber em 2018

publicado 22/01/2018 09h02, última modificação 27/02/2018 09h24
Campinas – Com mais de 100 executivos presentes, o professor e diplomata Marcos Troyjo trouxe perspectivas políticas e econômicas para este ano

A eleição de Donald Trump nos Estados Unidos e a saída da Grã-Bretanha da União Europeia são, para o professor e diplomata Marcos Troyjo, importantes acontecimentos que evidenciam a tendência que deverá acompanhar a economia e política mundiais nos próximos anos: a da desglobalização. “Esses dois movimentos foram determinantes para demonstrar que as potências cada vez mais olharão para dentro de casa, uma tendência absolutamente oposta a que vínhamos enfrentando nos últimos anos”, afirmou o especialista durante Comitê de Conjuntura Política e Econômica promovido pela Amcham Campinas na manhã do último dia 18/01.

O Brasil em 2018

Sobre o Brasil, Troyjo abordou os impactos dessas movimentações externas no país e quais são, em sua opinião, as grandes mudanças que devem acontecer este ano na política e economia. “O Brasil teve três períodos frente à visão externa. O primeiro foi a ‘Brasilmania’, a segunda a ‘Brasilfobia’, que foi o mais longo e hoje passamos pela ‘Brasil náusea’. Para melhorarmos este período, as eleições são com certeza o grande destaque, é iminente a necessidade de o Brasil eleger um outsider, ou seja, alguém que não é naturalmente da política, que tenha vida fiscal saudável e não seja populista”.

No vídeo abaixo, saiba os três principais pontos sobre o Brasil que você deve saber em 2018 na opinião de Marcos Troyjo: