EUA vão agilizar processo de visto de brasileiros, anuncia Obama

por marcel_gugoni — publicado 19/01/2012 18h06, última modificação 19/01/2012 18h06
São Paulo – Projeto deve ampliar em 40% a aprovação de entradas para incentivar turismo no país.
obama.jpg

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou que vai facilitar a concessão do visto para os cidadãos brasileiros que querem ingressar nos EUA. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (19) durante discurso de Obama na Walt Disney World, em Orlando, no Estado da Flórida.

O plano do governo americano é ampliar em 40% a concessão de documentos para cidadãos brasileiros e diminuir o tempo de espera de quem pede o visto. Para Obama, a medida seria um enorme impulso ao turismo.

“Turismo é o serviço número um que exportamos e isso significa emprego. Vamos agilizar o processo de visto para o EUA em 40% neste ano no Brasil”, disse o presidente na frente do castelo da Cinderela, que fica no parque temático mais visitado pelos brasileiros no país.

Visão da Amcham

Gabriel Rico, CEO da Amcham, diz que a "Amcham vê com simpatia a iniciativa do governo americano de facilitar a emissão de vistos para brasileiros".

"A Amcham conta com um programa em parceria com o Consulado dos EUA em São Paulo voltado a agilizar a concessão de vistos de negócios para os EUA a seus associados e entende que, agora, com o uso de tecnologia, o público brasileiro em geral poderá ter o processo de emissão facilitado", comentou. "O nível de aprovação de vistos a solicitantes brasileiros já é de 93%, algo excelente. Cada vez mais, os brasileiros buscam os EUA para turismo, estudo e negócios, e, ademais, a imigração ilegal vem deixando de ser um problema na relação Brasil-EUA."

Para Rico, a anúncio do presidente Obama mostra que o Brasil adquiriu um novo status diante dos americanos. "Os EUA passam a ver o Brasil em uma relação direta, não um país a mais na América Latina. Isso abre caminho para novos acordos entre os dois países. A visita da presidente Dilma neste ano também contribui nesse sentido."

O CEO avalia que, como a informação foi dada pelo próprio presidente Obama, sinaliza que as medidas estão bem encaminhadas e que é apenas uma questão de tempo suficiente para contratação e qualificação de gente para que entrem em vigor.

Geração de empregos

Segundo dados do governo americano, o turismo, sozinho, movimentou 2,7% do PIB (Produto Interno Bruto) e empregou mais de 7,5 milhões de pessoas em 2010. Com a facilitação, que também se estende aos cidadãos chineses, estima-se que mais 1 milhão de novos empregos surjam nos próximos anos.

Segundo nota divulgada pela Embaixada dos EUA no Brasil, a iniciativa faz parte de um programa-piloto de incentivos ao turismo. Solicitantes de “baixo risco”, como pessoas físicas que estão renovando vistos vencidos e jovens ou velhos que solicitam o visto pela primeira vez, farão parte do grupo beneficiado pelas medidas.

Visa Waiver Program

Hoje, 36 países gozam de vistos facilitados para entrar nos EUA, em um programa chamado Visa Waiver Program.

A embaixada diz esperar que a mudança “beneficie dezenas de milhares de solicitantes no Brasil, economizando seu tempo e dinheiro e estimulando-os a optar por visitar os Estados Unidos novamente”.

Estrangeiros previamente entrevistados e avaliados poderão renovar seus vistos sem passar por outra entrevista, segundo a nova medida.

“A eliminação da entrevista representará economia de tempo e dinheiro para esses solicitantes e os estimulará a escolher os Estados Unidos novamente como seu destino turístico. Também liberará nossos recursos para entrevistar mais candidatos que solicitam o visto pela primeira vez.”

O Departamento do Comércio dos EUA estima que cada brasileiro tenha gastado em torno de US$ 4.236 em viagens para o país em 2010. Isso representa um aumento de 30% na comparação com o ano anterior.

Mas isso não vai eliminar de vez os procedimentos atuais: “pessoas identificadas como de maior risco continuarão sujeitas a entrevistas, além da avaliação completa e análise de todos os vistos que os solicitantes recebem”, informa a nota da embaixada.

Leia mais notícias sobre o assunto:

Amcham vai ampliar atuação no mercado de missões comerciais em 2012

Exploração de novas oportunidades comerciais entre Brasil e Flórida é chave para geração mútua de empregos, diz governador do Estado americano

Quer participar dos eventos da Amcham? Saiba como se associar aqui

Veja quais são as vantagens de ser sócio da Amcham-Brasil

registrado em: