Executivos de logística participam de feira setorial e visitam o porto de Santos

por andre_inohara — publicado 10/04/2012 16h51, última modificação 10/04/2012 16h51
São Paulo – Missão visitará a feira Intermodal, maior da América Latina, e o porto de Santos.

Cerca de 20 executivos e empresários do setor de logística, vindos de várias partes do Brasil, estão em São Paulo para fazer contatos comerciais e conhecer por dentro o funcionamento do porto de Santos, um dos principais centros logísticos do País.

Organizada pela Amcham, a missão com representantes do setor visita nesta terça-feira (10/04) a Intermodal South America, feira de logística que se tornou a maior da América Latina, para se atualizar das novidades do segmento, fechar negócios e estabelecer contatos para futuras parcerias comerciais.

Os participantes se reuniram na Amcham-São Paulo nesta manhã, e foram recebidos por Thiago Aracema, diretor de projetos da DHL e presidente do comitê de Logística da Amcham e Roque Cifu, diretor de logística da consultoria Accenture e vice-presidente do comitê de Logística da Amcham.

Aracema disse que o alto desempenho de uma economia depende de uma boa estrutura logística. Ele mencionou o estudo Logistics Performance Index (LPI) de 2010 do Banco Mundial, demonstrando que países com baixa ou média renda per capita podem ter um aumento de cerca de 15% no comércio exterior se tiverem construído uma infraestrutura logística adequada. No estudo, o Brasil aparece na 41ª posição, a melhor para um país latino americano.

A logística de transportes no Brasil está concentrada no modal rodoviário com 65% de participação na malha total, o que provoca uma sobrecarga de caminhões nas estradas brasileiras.

Isso contribui para aumentar os custos médios logísticos, uma vez que o frete do transporte rodoviário é um dos mais caros existentes. Enquanto no Brasil os custos logísticos estão por volta de 12% do total de despesas, nos Estados Unidos eles giram em torno de 8%.

Para aumentar a competitividade, o Brasil precisa investir mais em outros modais de transporte, como o ferroviário, simplificar a estrutura tributária e aumentar a eficiência dos postos aduaneiros e da fiscalização, de acordo com Aracema.

Já o diretor da Accenture Roque Cifu destacou que a logística no setor privado é um diferencial competitivo. Os clientes estão mais exigentes quanto à qualidade dos serviços e nível de acertos, portanto a cadeia de suprimentos precisa trazer excelência operacional e integração maior entre as diversas etapas de distribuição.

Sobre o workshop de logística

Depois de participar da reunião de abertura na Amcham-São Paulo, a comitiva de representantes do setor de logística parte para a feira Intermodal, que está sendo realizada na cidade.

No dia 11, a delegação participa de uma reunião com o tema "Soluções logísticas na Europa", e depois segue novamente para a Intermodal. A visita ao porto de Santos acontece no dia 12, encerrando a missão comercial.

registrado em: