Missão de TI nos EUA abriu novas portas, afirmam empresários

por simei_morais — publicado 24/04/2013 14h52, última modificação 24/04/2013 14h52
São Paulo – Participantes trouxeram oportunidades de novos negócios no Brasil e nos Estados Unidos
img_0291.jpg

Parcerias, inovação em produtos e processos e até abertura de novos negócios voltaram na bagagem dos gestores de 13 empresas de TI brasileiras que participaram da missão comercial organizada pela Amcham – Brasil. Os empresários desembarcaram no último domingo, no Brasil. Por uma semana, eles percorreram empresas, incubadoras, aceleradoras e investidores, na capital, Washington, e no Vale do Silício.

“Tivemos uma nova percepção do conceito de tecnologia”, relata Julio Faiad, sócio-diretor da BrScan, empresa de TI baseada em Brasília (DF). De acordo com o empreendedor, os contatos feitos nos Estados Unidos vão permitir, de início, mudanças em processos internos e, posteriormente, em produtos.

Rumo ao mundo

Sidnei Calil, diretor da Socin, empresa de Ribeirão Preto (SP) que fornece soluções em TI para o varejo, cita ainda a possibilidade de novos negócios. “Vim com a perspectiva de inovação, tanto em novos produtos quanto em parcerias, inclusive nos Estados Unidos”, declara.

A E-Trust, especializada em segurança em TI que já tem escritório na Flórida, enxerga a possibilidade de expandir seu trabalho para outros estados norte-americanos. O diretor comercial Mauro José de Souza comenta que a empresa já tinha o diferencial de ser a única latino-americana a figurar no “quadrante mágico”, análise de business intelligence da consultoria Gartner.

“Mas o apoio da Amcham e da Embaixada [do Brasil em Washington, parceira da Amcham na missão] foram fundamentais para estabelecer contatos com grandes empresas norte-americanas. Nessa área de TI, o relacionamento frente a frente é crucial”, explica. A empresa, com sede em Porto Alegre (RS), possui escritórios em São Paulo e em Miami.

Mercados diferentes

Um dos objetivos da missão é justamente mostrar aos empresários brasileiros como o setor de TI se desenvolve e se consolida nos Estados Unidos, afirma Camila Moura, gerente de Comércio Exterior da Amcham. “O mercado brasileiro funciona de forma diferente, em relação ao norte-americano, até pelas diferenças da cultura de empreendedorismo. Essa oportunidade possibilita fazer conexões que possam influenciar em todas as etapas dos negócios”, comenta.

Além da E-Trust, da Socin e da BrScan, participaram da missão as empresas Benner (Curitiba); Fluxo Tecnologia da Informação (Curitiba); MRL Homeopathic International (Curitiba); Telecorp (Curitiba); NeuroTech (Recife); Tecnofrota Soluções em Rastreamento (Recife); Pró-Digital Projetos Eletrônicos (Curitiba); Nectar (Recife); Infrati informática (Porto Alegre) e Promob (Porto Alegre).

 

Leia também:

Comitiva de TI embarca para missão comercial nos Estados Unidos

Amcham leva empresas a quatro missões comerciais nos Estados Unidos em 2013

 

registrado em: