Na Jovem Pan, CEO da Amcham diz que ida de Armando Monteiro (MDIC) aos EUA sinaliza prioridade

publicado 19/02/2015 13h44, última modificação 19/02/2015 13h44
São Paulo – Nos EUA, Monteiro discutiu com a secretária de Comércio, Penny Pritzker, como desburocratizar o comércio bilateral
gabriel-rico-768.html

Na rádio Jovem Pan, o CEO da Amcham, Gabriel Rico, disse que as propostas de facilitação do comércio que o ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Armando Monteiro Neto, levou aos EUA nos dias 11 e 12 de fevereiro sinaliza uma clara intenção de estreitar o comércio bilateral.

“Pela primeira vez depois de um bom tempo, as autoridades brasileiras foram aos EUA com algo concreto para apresentar, encaminhar e negociar de forma prática”, comentou o CEO, na edição de sábado (14/2) do programa Jornal da Manhã. “O ministro (Armando Monteiro) levou, dentro da pauta (de conversas), um programa de trabalho conjunto entre os dois países, e que tem a ver com facilitação de comércio e convergência regulatória”, acrescentou.

Monteiro se encontrou com a secretária de Comércio dos EUA, Penny Pritzker, e o representante comercial dos Estados Unidos, Michael Froman, e falou sobre propostas de uniformização de normas e interligação dos portais de comércio exterior bilaterais, como forma de reduzir a burocracia.

Rico também participou do almoço organizado pela Brazil-US Business Council, onde empresários dos dois países se reuniram para conversar sobre negócios. “A maioria dos empresários que tive contato disse já ter negócios no Brasil e viram (na visita de Monteiro) uma oportunidade para incrementar o comércio e investimentos.”

Veja abaixo a entrevista de Rico à Jovem Pan:

 

 

registrado em: ,