Na Amcham, deputado petista dialoga com empresários sobre reforma política

publicado 11/11/2013 15h01, última modificação 11/11/2013 15h01
São Paulo – Cândido Vaccarezza (PT-SP) disse que, se aprovada no Congresso, vai baratear eleições
candido-vaccarezza-pt-sp-1398.html

O deputado federal do PT-SP, Candido Vaccarezza, esteve na Amcham – São Paulo na segunda-feira (11/11), para apresentar aos representantes do empresariado as propostas da reforma política que está em tramitação no Congresso.

“É uma proposta complexa e global que muda o sistema eleitoral brasileiro”, define o parlamentar, que foi líder de governo até 2012 e atualmente preside o Grupo de Trabalho de Reforma Política da comissão especial do Congresso criada para debater o tema.

“A reforma vai tornar as eleições mais democráticas, fiscalizadas e baratas ao criar circunscrições [estados seriam divididos de acordo com o número de eleitores] e regras de desempenho [legendas só terão direito ao fundo partidário se alcançarem 5% dos votos apurados para a Câmara] e financiamento de campanha”, comenta o parlamentar.

A proposta de reforma política elaborada por parlamentares de 13 partidos está contida em uma PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que reúne as sugestões de mudanças no sistema eleitoral.

Vaccarezza também disse ver com “bons olhos” a aproximação entre os congressos do Brasil e Estados Unidos. Em setembro, o deputado foi um dos integrantes da missão parlamentar da Amcham, que levou vários congressistas à capital americana Washington, para apresentar o trabalho de seus congressistas em prol do fortalecimento das relações bilaterais.