As três tendências que vão transformar os negócios em 2021

publicado 24/02/2021 17h12, última modificação 25/02/2021 10h17
Inovação, agilidade e desenvolvimento de pessoas são peças-chave nas estratégias de negócio das companhias neste ano
Plano_de_Voo_Mat_Rico_BANNER_DESTAQUE_800X400_2.jpg

Não é mais novidade dizer que a pandemia revolucionou a forma como as empresas fazem negócios. O ano passado não foi fácil para ninguém e, apesar do pior já ter passado para a economia, o futuro ainda é incerto e demanda atenção constante as tendências de negócios para minimizar os efeitos da crise no setor privado. 

Em um momento com tantas incógnitas, a pergunta que ecoa na cabeça de quem comanda empresas é: como construir estratégias de negócio eficazes que prosperem independente das adversidades? Em janeiro, ouvimos 280 líderes empresariais sobre seus planos de sucesso e elaboramos uma cartilha sobre as principais tendências de negócios em 2021, com dados, cases, análises e exercícios para que sua companhia esteja preparada para os próximos meses. Baixe o documento completo aqui.

Confira quais são os investimentos mais importantes do ano, como as empresas estão se preparando para a nova realidade e os principais desafios das marcas:  

 

INOVAÇÃO E TECNOLOGIA SÃO ACELERADORES 

Com o imediatismo e escala da transformação digital, investir em inovação, digitalização e tecnologia é uma das ações que não sairá do radar de 62% dos gestores brasileiros, de acordo com nosso levantamento. As possibilidades de investimento são inúmeras, mas o motivo é um só: trazer mais eficiência e reduzir custos.  

De soluções que otimizam processos a ferramentas que melhoram a análise de dados, há cinco tecnologias, em especial, que vão alavancar e revolucionar os negócios em 2021: edge computing, blockchain e criptomoedas, RPA, Inteligência Artificial e aplicações de low e no-code.  

 

AGILIDADE É PEÇA-CHAVE 

Se a maioria dos líderes acelerou a transformação digital das companhias durante a pandemia, não foi algo que ocorreu sem superar obstáculos. Neste ano, velhos desafios ainda precisarão de bastante atenção e uma das maiores tendências de negócios em 2021 é conduzir os negócios com mais agilidade, buscar novos caminhos para acompanhar o mercado e implementar uma gestão mais rápida.  

Em segundo lugar, gestores devem abraçar a disrupção e encará-la mais como oportunidade de negócio. “As empresas modernas andam lado a lado com o caos e nós precisamos nos sentir à vontade com as mudanças, porque elas não vão embora tão cedo”, diz Paulo Veras, cofundador da 99. Além disso, estruturar uma governança ética e observar princípios ambientais e sociais também devem ser parte essencial das estratégias de negócio nos próximos anos.  

 

PROFISSIONAIS ESTRATÉGICOS NO DIA A DIA 

Adaptabilidade, liderança, comunicação e criatividade são habilidades que já eram essenciais e serão cada vez mais exigidas. Independente da área de atuação, mais do que ter as competências, hoje é necessário colocá-las em prática de forma estratégica – e transformar executores de tarefas em profissionais estratégicos é a prioridade para 46% das empresas brasileiras quando o assunto é gestão de pessoas e liderança.  

Fazer com que o aprendizado seja parte integrante do dia a dia dos negócios é a segunda prioridade para 27% dos líderes neste ano. Porém, nada é tão simples assim: para criar uma cultura que preze pelo crescimento dos colaboradores, é crucial estar aberto ao erro e desenvolver uma forte interação digital entre pares.  

Para acessar o material completo, clique aqui