Diretor da Interbrand explica ausência de marcas brasileiras entre as mais valiosas, veja vídeo

publicado 27/10/2015 11h05, última modificação 27/10/2015 11h05
São Paulo - André Matias participou do Comitê Aberto de Marketing da Amcham e falou o que os brasileiros precisam fazer para aparecer no ranking
andre-matias-675.html

Anualmente, a Interbrand faz um ranking com as 100 marcas mais valiosas do mundo. Uma empresa brasileira nunca figurou nessa lista. O Diretor de Estratégia e Avaliação de Marcas da Interbrand, André Matias participou do Comitê Aberto de Marketing e Brandind na sede da Amcham Brasil, em São Paulo, na sexta-feira (23/10) e explicou os motivos pelos quais o Brasil não tem nenhum representante neste ranking.

Segundo Matias, “existem dois grandes critérios que explicam não existir nenhuma marca brasileira no ranking da Interbrand. Quando a gente fala de ser global, ela tem que ter presença consolidada na Europa, na América, na Ásia... ela tem que ter 30% da receita fora do país de origem. Existe outro critério,  pelo valor”, explicou.

O diretor da Interbrand recomendou o que essas marcas brasileiras precisam fazer para entrar na lista. “Tem duas saídas: Uma é aumentar o valor de marca. Para as que já têm presença internacional, é importante aumentar esse valor financeiro. E para as que ainda não são globais, é expansão em diferentes mercados”.

As 10 marcas que lideram o ranking da Interbrands são, do 1º para o 10º lugar: Apple, Google, Coca-Cola, Microsoft, IBM, Toyota, Samsung, GE, Mc Donald’s e Amazon. O ranking completo você confere aqui.

 

registrado em: