Elogiar requer estratégia e ajuda em produtividade e autoconfiança

por giovanna publicado 29/11/2011 12h40, última modificação 29/11/2011 12h40
Recife – Tática também é usada como ferramenta para indicar condutas esperadas no ambiente de trabalho.
foto_silvio_broxado.jpg

Elogiar pessoas por suas ações e comportamentos acertados influencia na motivação, na produtividade e aumenta o sentimento de participação e importância em um grupo. As estratégias valem tanto para relações profissionais quanto para pessoais. É o que explica Silvio Broxado, consultor em Motivação e diretor da Silvio Broxado Desenvolvimento Organizacional.

“Ao receber um elogio, o cérebro de uma pessoa libera hormônios como a endorfina e a noradrenalina. Eles aumentam a capacidade de concentração e memorização e influenciam na autoconfiança e no processo de tomada de decisões com mais segurança”, justificou Broxado, que participou do comitê de Secretariado Executivo da Amcham-Recife nesta segunda-feira (28/11).

Ele cita o psicólogo e teórico americano Abraham Maslow, que elencou as necessidades humanas em uma pirâmide na qual a sobrevivência representa a base e os demais níveis são segurança, reconhecimento, autoestima e autorrealização.  Segundo Broxado, a necessidade do reconhecimento é uma das mais importantes e, no mundo corporativo, pode ser suprida por promoções, ampliação de benefícios, mas principalmente via elogios.

Broxado cita que, para elogiar com efetividade, é importante seguir alguns passos:

•    Promover reconhecimento e premiação de forma aberta e pública;

•    Ser honesto e eficaz, evitando ser repetitivo e meloso;

•    Ser imediato no elogio, pois os atrasos enfraquecem o reconhecimento;

•    Deixar claros os motivos do elogio e os critérios para recebê-lo.

Conforme defendeu Broxado, outro aspecto positivo de fazer elogios é conseguir determinar comportamentos e atitudes importantes para a cultura organizacional. “O funcionário que recebe um elogio sabe que está no caminho certo. Ao fazer isso publicamente, todos entendem que aquela conduta foi aprovada e está de acordo com o que a empresa procura em seus colaboradores”, explicou.

Estratégias

O consultor aponta que grandes empresas têm adotado o elogio de diversas maneiras como meio de reconhecimento de seus funcionários. Ele cita que algumas dessas estratégias podem ser replicadas em organizações também menores.

“Dentre as formas de elogio e reconhecimento mais utilizadas atualmente, estão anúncios sobre bons desempenhos na intranet, ingressos para eventos culturais, vagas privilegiadas no estacionamento, almoço de interação com o CEO e licenças educacionais”, finalizou.


registrado em: