Produtividade de empresas com cultura de aprendizagem é 52% maior

publicado 16/09/2014 16h14, última modificação 16/09/2014 16h14
São Paulo – Companhias que investem em capacitação são 17% mais rentáveis que os concorrentes e 92% mais propensas a desenvolver produtos e processos inovadores
marcus-anaya

Colaboradores de empresas com cultura de aprendizagem apresentam produtividade 52% maior, de acordo com Marcus Anaya, gerente de Treinamento de Vendas da MSD, que esteve no comitê de Vendas e Distribuição da Amcham, em 10/9. Ele diz ainda que, segundo pesquisa da Deloitte, as companhias que investem em capacitação são 17% mais rentáveis que os concorrentes e 92% mais propensas a desenvolver produtos e processos inovadores.

Na chamada pesquisa “cega”, feita anualmente com clientes que respondem ao questionário sem saber para qual empresa, a MSD ficou nas primeiras posições de marca mais mencionada e melhores vendedores.  “Essa ferramenta ajuda a aprimorar os treinamentos, indicando o que deve ser desenvolvido ou alterado”, explica.

A companhia disponibiliza treinamentos lúdicos, presenciais e online. Além da capacitação, eles têm como objetivo expor tendências de mercado e identificar barreiras às eventuais mudanças necessárias.

Para garantir a participação dos colaboradores, a companhia oferece incentivos, como prêmios trimestrais aos que realizarem os treinamentos. Outra medida é o posicionamento da empresa, que defende os funcionários estudem e pratiquem um pouco todos os dias.

Anaya revela ainda que contratar vendedores de outros setores pode ser positivo também. Na MSD, segundo ele, 20% dos contratados não têm experiência na área da saúde. “É um investimento. Tem que ter mais paciência, porque levam mais tempo para pegar o ritmo, mas é uma oxigenação da força de vendas e traz novas formas de pensar e agir”, defende. 

registrado em: