Conheça as 10 melhores startups de Brasília para o seu negócio

publicado 02/09/2019 16h19, última modificação 05/09/2019 12h24
Brasília – Startups de diferentes segmentos disputarão a final regional do Amcham Arena
SiteBanner_Destaque_Arena_FinaisRegionais.jpg

Amcham Arena 2019

Nosso mar está para peixe. Depois de formar um oceano com quase 800 startups em 15 cidades brasileiras, o Amcham Arena chega à etapa das finais regionais. APTAH Bioinformática, Br.ino, Kicêké, Linkfor, Mi Petit, Onsurance, Ownee, Pais a Bordo, Ribon e SisterWave formam o cardume de Brasília.

As 150 melhores startups do País escolhidas nas seletivas regionais agora “venderão o seu peixe" para uma banca final de jurados formada por CEOs, diretores de inovação e especialistas ligados ao universo da nova economia.

Em Brasília, a final regional acontece em 19/9. Você, que está em busca de tecnologias e parceiros para o seu negócio, venha conhecer as 10 finalistas. As inscrições estão abertas aqui.

O vencedor regional vai disputar a finalíssima nacional em São Paulo, no dia 17 de outubro. Não perca a oportunidade de acompanhar as melhores startups da sua cidade. Programe-se para participar e descobrir as startups que podem fazer a diferença em seu negócio:

1. APTAH Bioinformática

No ramo de bioinformática, a Aptah usa tecnologia que acelera o desenvolvimento de medicamentos. A empresa tem uma estrutura que identifica, desenvolve e valida moléculas para tratamento e diagnose de várias doenças que vão de tumores ao HIV.

2. Br.ino

A proposta da Br.ino é popularizar o ensino de robótica ao público que não domina o idiomainglês. Em um ambiente de desenvolvimento integrado, a startup aplica conceitos de aprendizado intuitivo e em português para atingir o maior número de interessados.

3. Kicêké

Precisando de um serviço, mas não está achando? A Kicêké é um ambiente de leilão reverso onde o cliente escolhe quanto quer pagar. No aplicativo, o cliente seleciona o segmento ou serviço procurado e faz um lance.

4. Linkfor

No Linkfor, universitários da área de tecnologia têm oportunidade de mostrar seu trabalho a grandes empresas. Por uma taxa, a startup aproxima universitários de empresas abertas a projetos ou profissionais de tecnologia.

5. Mi Petit

A resistência do seu filho então bebê em provar novos alimentos inspirou a engenheira Valéria Freitas a criar o Mi Petit. Foi assim que a empresária criou um negócio de comidas congeladas para bebês e crianças priorizando sabor e recomendações pediátricas.

6. Onsurance

Onsurance nasceu com a premissa de oferecer seguros por tempo reduzido. Mediante tarifa dinâmica ou comprando créditos, o cliente pode desativar a cobertura do carro quando ele estiver, por exemplo, na garagem. Para celulares, o seguro pode ser mensal em vez de anual, como praticado no mercado.

7. Ownee

Pensando em economizar na obra, a Ownee integra o proprietário aos empreiteiros em um ambiente digital. A ideia é compartilhar informações para evitar gastos excessivos e atrasos de cronograma.

8. Pais a Bordo

Acompanhar a vida escolar dos filhos no celular é possível com o aplicativo Pais a Bordo. Ocalendário da escola fica disponível no app, e os pais podem acessar a agenda de atividades escolares e as notas dos filhos nesse ambiente virtual.

9. Ribon

Causas sociais também geram negócios criativos. Com a Ribon, o usuário pode doar a ONGs sem desembolsar um centavo. O usuário compra ribons, as moedas virtuais do serviço, acessando o app e lendo as notícias disponíveis. Assim, empresas patrocinadoras da causa social doam dinheiro real via visualização de anúncios.

10. SisterWave

 A proposta do SisterWave é ser uma espécie de AirBnB para mulheres. O serviço disponibiliza uma rede de acomodação e hospedagem ao público feminino. A idealizadora Jussara Pellicano Botelho argumenta que o SisterWave busca criar um ambiente de segurança e garantir um direito humano fundamental, o de ir e vir.

O que é o Amcham Arena?

O Amcham Arena é uma iniciativa criada em 2017, em Porto Alegre, com o intuito de trazer as soluções inovadoras das startups para o oceano de oportunidades Amcham. O nosso vasto cardume de tubarões conta com cinco mil empresas associadas em busca de soluções e inspirações que revolucionem seus negócios.

Além de ter a oportunidade de se conectar com uma rede de cinco mil empresas globais, regionais, microempresas e especialistas; possibilidade de participação em rodadas de negócio e matchmaking entre empresas e startups, a competição dá acesso a premiações nacionais e regionais que irão alavancar as startups.