Métodos de desenvolvimento de software focados em agilidade e interatividade reduzem retrabalho e custos

por marcel_gugoni — publicado 09/03/2012 12h54, última modificação 09/03/2012 12h54
Curitiba – Metodologia Scrum é uma das mais utilizadas pelas companhias.
leandrocruz_scrum195.jpg

Cancelar o desenvolvimento de um software antes mesmo de ele estar pronto sai caro para a empresa que encomenda este tipo de produto e demanda todo um retrabalho para quem o faz. A busca pela interatividade e por métodos ágeis de produção e de correção de falhas são o melhor caminho para a área de TI no País, avalia Leandro Rodrigo Saad Cruz, sócio-diretor da Kix Informática e professor de Metodologias Ágeis de Desenvolvimento de Software do curso de MBA da PUC-PR.

Muitas dessas metodologias deixam no passado a alta complexidade da criação e vícios do gerenciamento de produção de um novo programa. Ganha-se tempo e economiza-se dinheiro por meio de planejamento e interatividade.

“Há muito espaço [neste mercado] para crescer entre as empresas no Brasil”, apontou Cruz no comitê de Tecnologia da Informação e Comunicação da Amcham-Curitiba na terça-feira (06/03). “Para a nossa indústria ser mais competitiva, é necessária a maior adoção dessa nova abordagem de desenvolvimento.”

Método Scrum

Atualmente, a metodologia Scrum é a mais utilizada pelas empresas na intenção de dar agilidade ao desenvolvimento de softwares. Estima-se que 52% de todos os processos de criação ágeis adotados estão baseados neste modo de trabalho. Quando uma empresa encomenda um software, por meio do Scrum, apresenta-se apenas um planejamento inicial do projeto.

O grosso do desenvolvimento do software ocorre durante o próprio processo de criação. Para Cruz, isso permite a alteração do foco e do escopo do projeto “durante o voo”, facilitando a correção de eventuais bugs assim que eles surgem.

É um sistema de desenvolvimento composto por pequenas equipes com metas específicas capazes de criar os códigos e, se houver problemas, corrigi-los prontamente para alcançar os objetivos estimados. A lista de metas é atualizada diariamente e acompanhada por todos os integrantes da equipe.

O nome dessa técnica de criação vem de uma formação do rúgbi – chamada scrum – utilizada para reiniciar rapidamente a partida após uma jogada irregular ou uma penalização.

No desenvolvimento de TI, essa técnica permite “entregar o software de maneira mais rápida e também mais barata, porque não é preciso renegociar o projeto a cada falha detectada. Na Scrum, a mudança já faz parte do projeto”, explica.

Para o especialista, o uso desse processo aperfeiçoa não só a produtividade, mas também a qualidade do produto a ser entregue, uma vez que se dedica maior tempo ao seu desenvolvimento e não às falhas.

Aplicação

Apesar dos benefícios das metodologias ágeis, como o Scrum, há limitações à sua adoção. A maior é a resistência cultural dentro das organizações. Em pesquisa citada por Cruz, mais da metade das empresas consultadas indicaram incapacidade de mudança na cultura organizacional da empresa como a maior barreira na aplicação de métodos como o Scrum.

Cruz conta que grande parte dos problemas enfrentados no desenvolvimento de softwares ocorre porque os funcionários não entendem como realizar um projeto sem planejamento e, como consequência, resistem a adotar as práticas das metodologias ágeis. O mais indicado nestes casos é que um palestrante apresente à equipe as vantagens de cada método para engajá-los.

Tanto o Scrum como as demais metodologias ágeis pode ser aplicado em empresas de qualquer porte e setor. “Além disso, não é um método restrito à área de TI”, afirmou Cruz. É possível fazer um paralelo entre softwares e o desenvolvimento de novos produtos, por exemplo. “Os métodos só não eficazes para áreas rígidas, como as de controle de produção.”

Leia mais notícia sobre o assunto:

Migrar para a nuvem ajuda a economizar até 90% nos gastos de TI

Desempenho da empresa depende da eficiência de suaTI

Empresas brasileiras de TI têm potencial para se tornarem mais conhecidas nos EUA

No mercado global de TI, brasileiro se destaca por criatividade, mas falha em organização

Brasil já é sétimo mercado mundial de Tecnologia da Informação, mas enfrenta desafios para evoluir negócios

Softwares colaborativos ampliam desenvolvimento e gestão dos sistemas de TI

Quer participar dos eventos da Amcham? Saiba como se associar aqui

Veja aqui quais são as vantagens de ser sócio da Amcham

registrado em: