Investimento em formação universitária dá terceiro Prêmio ECO ao Santander

publicado 02/12/2013 08h33, última modificação 02/12/2013 08h33
São Paulo – Banco venceu em 2010, 2012 e 2013 com produtos e processos com apelo social e de empreendedorismo
premio-eco-2012-3307.html

O Santander Universidades distribuiu no ano passado 17.930 bolsas nacionais e internacionais para alunos brasileiros e foi um dos ganhadores do Prêmio ECO 2013, na modalidade Sustentabilidade em Produtos entre grandes empresas. A cerimônia de premiação será na Amcham – São Paulo, em 9/12.

“Ao incentivar a pesquisa e a mobilidade de alunos e professores, contribuímos para a internacionalização da atividade acadêmica e o fortalecimento do empreendedorismo, com a transferência do conhecimento do campus para a sociedade”, destaca Marcos Madureira, vice-presidente executivo de Comunicação, Marketing, Relações Institucionais e Sustentabilidade do Santander.

O número de bolsas concedidas teve um aumento de 120% em relação ao ano anterior. Até 2015, a previsão é de 57 mil bolsas, distribuídas por universidades na Espanha, China, Inglaterra e Estados Unidos.

Além de serviços financeiros, o Santander Universidades apoia projetos acadêmicos e concede bolsas nas melhores universidades do mundo (como Harvard, MIT e USP) a alunos com alto desempenho acadêmico e baixas condições econômicas.

O Prêmio ECO deste ano é o terceiro conquistado pelo banco desde 2010. No ano em questão, o Grupo Santander ganhou na categoria Sustentabilidade em Processos, com o Espaço de Práticas em Sustentabilidade, então projeto pioneiro de engajamento de stakeholders no mercado empresarial brasileiro. Em 2012, com a operação de microcrédito produtivo, o banco ganhou o segundo prêmio, na categoria Sustentabilidade em Produtos.

“O Prêmio ECO é um dos mais tradicionais e importantes reconhecimentos do País. Interpretamos o prêmio como um sinal de confiança do mercado e de grandes especialistas na nossa estratégia e nas nossas práticas de sustentabilidade”, disse Madureira.

Apoio aos empreendedores

O Santander Universidades vai além do crédito para universitários, assegura o banco. “Tratamos esse público como uma cadeia de valor completa, oferecendo atendimento especializado para os diversos elos, valorizando as habilidades acadêmicas dos estudantes e aportando investimentos para sua formação”, de acordo com o Santander.

Esse é um apoio que gera novos relacionamentos entre o público universitário e, por conseqüência, aumenta a capacidade de investimento e atrai clientela potencial. “Os estudantes, em sua maioria, estão no início da vida financeira e possuem futuro promissor, justamente pelo capital intelectual adquirido na universidade.”

Para o banco, a estratégia rende frutos. Um alto nível de fidelidade dos clientes foi verificado, em casos de estudantes que se tornaram clientes de alta renda posteriormente e mantiveram o relacionamento comercial.

Importância para o negócio

Pelas contas do banco, os números do Santander Universidade colocariam a operação entre as seis maiores instituições financeiras nacionais por número de clientes. A capilaridade de negócios que se originaram das parcerias com Instituições de Ensino Superior (IES) se refletiu em novos relacionamentos comerciais e também na necessidade de se manter agências em ambientes universitários.

Além do retorno econômico, o programa gera efeitos sociais. “O principal impacto social da nossa atividade é impulsionar o ensino superior como um todo no País”, de acordo com o Santander.

Sobre o Santander Universidades

A Divisão Global Santander Universidades foi criada em 1996 na Espanha, e oferece serviços financeiros especializados a toda a cadeia da educação superior. A estratégia de investir em ensino superior é a forma mais direta e eficaz encontrada para apostar no desenvolvimento dos países em que estamos presentes, de acordo com o banco.

O público alvo inclui instituições de ensino públicas e privadas, alunos, professores, pesquisadores e funcionários administrativos. No Brasil desde 2000, o Santander Universidades atende dois milhões de clientes alvo, 441 instituições parceiras e 331 agências em ambiente universitário, transformando-se em uma das principais operações de varejo do banco.

registrado em: