Prêmio Eco 2011 registra crescimento de 32% nas inscrições de projetos

por giovanna publicado 14/09/2011 18h38, última modificação 14/09/2011 18h38
São Paulo – Neste ano, foram submetidos 108 trabalhos em comparação com 82 em 2010

Com uma campanha ampliada de divulgação, em 2011 o Prêmio ECO registrou aumento de 32% no total de projetos inscritos em relação ao ano passado. Foram 108 trabalhos de 85 empresas, sendo 22 pequenas e médias (responsáveis por 24 projetos) e 63 de grande porte (84 trabalhos). Em 2010, foram submetidos 82 projetos de 67 companhias.

“Comparado a 2010, tivemos aumento de 32% nas inscrições de projetos e a participação de empresas que nunca haviam se inscrito antes”, disse Daniela Aiach, gerente de Eventos Corporativos da Amcham e responsável pelo Prêmio ECO.

Para enfatizar a dimensão nacional do prêmio e a importância da sustentabilidade, a Amcham reforçou a divulgação em suas regionais. Isso se refletiu no volume de projetos inscritos em Estados que nunca haviam participado do prêmio, como Ceará, Espírito Santo, Goiás e Mato Grosso do Sul. Há candidaturas originárias de 13 unidades da Federação, bem acima das oito que concorreram no ano passado.

Edição 2011


Na edição deste ano, o Prêmio ECO tem duas modalidades: Estratégia, Liderança e Inovação para a Sustentabilidade (Elis), que se relaciona a modelos de negócios e estratégias mais amplas da empresa que incorporam o tema, e Práticas de Sustentabilidade, subdividida nas categorias Sustentabilidade em Produtos e ou Serviços e Sustentabilidade em Processos. A cerimônia de premiação está prevista para dezembro.

Essa nova estruturação também contribuiu para uma maior adesão ao prêmio, já que tornou o conceito de sustentabilidade nos negócios mais próximo das empresas. “A modalidade Estratégia, Liderança, Inovação para a Sustentabilidade teve grande receptividade, ao reconhecer a gestão da empresa que caminha para a sustentabilidade”, destacou Daniela.

 

registrado em: