AmchamNews de setembro movimentou a Amcham na semana que passou. Reveja as principais notícias

por marcel_gugoni — publicado 05/10/2012 17h22, última modificação 05/10/2012 17h22
São Paulo – Newsletter mensal trouxe as principais conclusões do seminário ‘O que devemos fazer já para crescer 5% pelas próximas duas décadas?’

O AmchamNews com as atividades da Amcham em setembro saiu do forno nesta semana apresentando as conclusões do seminário ‘O que devemos fazer já para crescer 5% pelas próximas duas décadas?’, que trouxe economistas e lideranças empresariais para discutir em que pontos o País precisa melhorar para crescer de forma sustentável até 2030. A edição, que já está disponível para leitura online, mostra também outros conteúdos sobre competitividade e destaques das regionais da Amcham-Brasil.

Leia mais: AmchamNews de setembro destaca seminário sobre desafios para Brasil crescer 5% ao ano pelas próximas décadas

No comitê estratégico de Gestão de Pessoas, na quinta-feira (05/10), gestores de recursos humanos abordaram a cidadania nas empresas e ressaltaram que o setor privado também precisa atuar de perto para promover ações como qualificação profissional para enfrentar a falta de mão de obra qualificada. Deli Matsuo, vice-presidente de Gestão e Pessoas do Grupo RBS, empresa de comunicação dona de rádios, jornais e televisões no Sul do Brasil, afirma que a educação e a formação passaram a ser “agenda prioritária” das companhias em suas fundações e instituições.

Governança

Na quarta-feira (03/10), o comitê estratégico de Governança Corporativa focou que práticas de governança corporativa precisam evoluir junto com o mercado de capitais e o ambiente empresarial, mas sem perder de vista a simplicidade e a transparência. Marco Geovanne Tobias da Silva, diretor de Participações da Previ (Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil), opinou que as empresas têm que buscar estruturas simples e menos hierarquizadas, sobretudo em grupos com várias coligadas. “Ao concentrar a estrutura em uma única empresa, facilita-se a precificação da companhia, aumenta-se a liquidez do papel [no mercado de capitais] e evita-se a dispersão de investidores.”

Quer participar dos eventos da Amcham? Saiba como se associar aqui

O biólogo e apresentador Richard Rasmussen trouxe metáforas do mundo animal para falar do mundo corporativo, no comitê de Secretariado Executivo, na quarta-feira (03/10). Conhecer o ambiente, ter objetivos claros e aprender a entender os próprios instintos são coisas que os seres humanos poderiam aprender com os animais, propôs ele: “Ficamos tão racionais que nos esquecemos de seguir o coração. O melhor dos bichos, que é o instinto, nós humanos perdemos. E, na maioria das vezes, o instinto pode levar a um caminho melhor para nossa vida.”

Regional

Na Amcham-Recife, o comitê de Empreendedorismo debateu as melhores práticas para o bom atendimento ao cliente. Sandro Alves, sócio-diretor da Silta Business, defende que se preste atenção aos clientes e aos funcionários que os atendem com o objetivo de proporcionar melhores experiências de consumo de serviços. “Quem faz o serviço acontecer e quem consome são as pessoas. Não podemos criar serviços simplesmente porque uma ou duas pessoas na empresa acham que ele será útil para alguém.”

Veja aqui quais são as vantagens de ser sócio da Amcham

Releia as principais notícias da semana na Amcham:

04/10 Pessoas devem estar no centro da concepção e da prestação dos serviços

04/10 Educação é principal caminho de engajamento entre empresas e sociedade

04/10 AmchamNews de setembro destaca seminário sobre desafios para Brasil crescer 5% ao ano pelas próximas décadas

04/10 Ouvir os instintos permite estar aberto às oportunidades, diz biólogo Richard Rasmussen

03/10 Previ: simplicidade e transparência devem ser premissas das práticas de governança corporativa

02/10 Diretor-geral do ONS defende mais usinas térmicas no Sul e leilões de energia regionais e por fonte

01/10 Governador de Illinois vê grandes oportunidades de cooperação com Pernambuco na área de infraestrutura

01/10 Negociar com pessoas difíceis exige, acima de tudo, planejamento

01/10 A partir de pensamento analítico e intuitivo, Design Thinking ajuda empresas a inovar aproveitando talentos internos

registrado em: