Brasil registra menor déficit do ano na balança Brasil x EUA

publicado 20/05/2014 15h32, última modificação 20/05/2014 15h32
São Paulo - Exportações para os EUA aumentam 28,75%, em abril
Grafico1.JPG

O saldo em transações correntes entre Brasil e Estados Unidos fechou o mês de abril com um déficit de US$ 478 milhões, 54,36% a menos do que no mês anterior, quando o déficit apresentado foi de US$ 1,05 bilhão.

O saldo de abril foi melhor, devido ao aumento das exportações, que passaram de US$ 1,88 bilhão em março para US$ 2,42 bilhões em abril, com aumento de 28,75%.

As importações se mantiveram estáveis, registrando uma queda pequena de 0,97% em abril, caindo para US$2,9 bilhões.

O produto que mais foi exportado aos EUA durante o mês de abril foi o óleo bruto de petróleo (US$ 375 milhões). Só deste produto foi vendido em abril mais da metade do valor total apurado nos primeiros três meses do ano. Outro produto que impactou a exportação aos EUA foi a soja: US$120 milhões exportados em abril.

  

 

Com relação ao valor agregado das mercadorias, os produtos básicos – que incluem o óleo bruto e soja - tiveram alta de 114%. Os produtos semimanufaturados registraram aumento de 3,39% e os manufaturados 12,6%.

  

 

Nos quatro primeiros meses de 2014, o Brasil acumulou um déficit em transações correntes com os EUA no total de US$3,35 bilhões. Houve uma melhora de 30% em relação ao ano passado, quando o déficit foi de US$4,84 bilhões.

 

registrado em: