GM, Wilson Sons, DHL, TNT, Johnson&Johnson e Arcor debatem gargalos logísticos na quinta (1/10)

publicado 25/09/2015 08h42, última modificação 25/09/2015 08h42
São Paulo – Maurício Muniz, do Ministério do Planejamento, apresenta as iniciativas públicas de apoio à infraestrutura
seminario-eficiencia-2300.html

Na quinta-feira (1/10) às 8h30, a Amcham – São Paulo reúne operadores logísticos e empresas para debater os desafios da infraestrutura logística no Brasil, no Seminário Eficiência na Cadeia Logística. Mauricio Muniz, secretário do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, apresenta as iniciativas do governo de apoio à infraestrutura.

Cesar Meireles, CEO da ABOL (Associação Brasileira de Operadores Logísticos), e Thomas Rittscher, diretor de logística da Wilson Sons, serão os representantes dos operadores logísticos no debate, expondo as necessidades e estratégias do setor para o aumento da eficiência. Também participam Sheila Souza, líder de desenvolvimento de negócios da DHL Global Forwarding, e Fabiano Fração, diretor de operações e TI da TNT Express.

A visão das empresas será compartilhada por André Battaglia, diretor de transportes e estratégia logística da Johnson & Johnson para a América Latina; José Dib, diretor de supply chain da Arcor; Neuton Karassawa, diretor de logística da GM, e Thiago Moura Rodrigues, diretor de planejamento de Supply Chain da Schneider Electric para a América Latina.

Gisela Mangabeira de Sousa, sócia da consultoria ILOS (Instituto de Logística e Supply Chain), será a mediadora dos debates.