Projeto How To Amcham fecha 2015 com 29 guias de atração de investimentos em circulação

publicado 27/11/2015 15h06, última modificação 27/11/2015 15h06
São Paulo – Encontro especial marcou balanço do projeto e análise da atratividade Brasil na visão GE, KPMG, Welber Barral e professor da Faap
how-to-amcham-fecha-2015-com-29-guias-1236.html

O projeto How To da Amcham, série de guias voltados a investidores, encerrou 2015 com o marco de 29 títulos em circulação e disponíveis gratuitamente aos empresários. A informação foi revelada por Deborah Vieitas, CEO da Amcham Brasil, em encontro especial de balanço do projeto na última quinta-feira (26/11) em São Paulo.

Os projetos de atração de investimento da Amcham contam hoje com 20 guias do projeto How To Do Business And Invest in Brazil (1 cidade e 19 guias setoriais); e nove guias do projeto How To Do Business And Invest in the US (sendo uma publicação Estadual e 8 setoriais). Os guias Amcham estão disponíveis no www.amcham.com.br/howto 

A busca por conteúdo que facilite o investimento no mercado brasileiro tem uma demanda crescente. Mapeamos até o momento, em 2015, o acesso proveniente de mais de 100 países no hotsite do projeto, sendo Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, França e Espanha, os que mais acessaram”, compartilhou a CEO da Amcham, Deborah Vieitas. 

Além do balanço do projeto How To da Amcham, o encontro especial analisou as perspectivas e tendências de Investimento Estrangeiro Direto (IED) no Brasil e demais mercados globais de alto crescimento.

O encontro trouxe a visão de Gilberto Peralta, CEO da GE BrasilJulia Wilson,diretora da área de estratégia da KPMG; e o economista Luiz Alberto Machado, vice-diretor da escola de Economia da FAAP. O consultor Welber Barral media as discussões.

 Confira os principais destaques do encontro:

“Apesar do contexto econômico, percebemos que ainda atratividade na econômica brasileiro. O consumo interno e setores como saúde, infraestrutura e educação continuaram sendo alvo de investimentos estrangeiros diretos. Na sua maioria, são investimentos com o envolvimento de parceiros locais” Julia Wilson, diretora da área de estratégia da KPMG;

“É preciso pensar investimento a longo prazo. Mesmo em contexto de incerteza, é preciso ter cautela. Fundamental investir em ajustes e novos mercados", Gilberto Peralta, CEO DA General Eletric Brasil

"O investimento estrangeiro direto é de extrema importância para setores chaves como infraestrutura e saúde. Nossos guias How To atuam na manutenção da nossa atratividade externa”, Deborah Vieitas, CEO da Amcham Brasil

“O Brasil foi descoberto em 1500, mas ainda não descobrimos o Mundo. Soos ainda uma economia extremamente fechada. Precisamos trabalhas atratividade, e regras” Luiz Alberto Machado, vice-diretor da escola de Economia da FAAP