Confira destaques das palestras durante o Business Round Up em Ribeirão Preto

publicado 29/10/2013 17h21, última modificação 29/10/2013 17h21
Ribeirão Preto – Evento abordou as tendências para 2014, com foco em Finanças, RH, TI e Marketing
business-foto01.jpg-6306.html

Mais de 160 gestores participaram do Business Round Up da Amcham – Ribeirão Preto, em 24 de outubro. Os palestrantes abordaram aquilo que será determinante nos negócios em 2014, principalmente nas áreas de Finanças, TI, RH e Marketing.

Confira abaixo alguns destaques dos debates, segundo os palestrantes:

Nicola Tingas, economista-chefe da Acrefi

“Uma melhor perspectiva nos EUA e a possibilidade de transição econômica moderada na China serão as âncoras da ainda frágil e volátil economia mundial. Os riscos dessa fase devem ser monitorados com atenção”

“Até dezembro de 2013 haverá uma continuidade do ajuste defensivo e aversão seletiva ao risco, porém, já no 1º trimestre de 2014, espera-se uma avaliação da conjuntura de perspectivas para as eleições e Copa do Mundo, com definição de estratégias de ação”

Luis Paulo Rosenberg, sócio da consultoria de investimentos Rosenberg Partners

“O que move o país, hoje, é a infraestrutura, a área mais ‘fácil’ para se ganhar dinheiro”

“Não há nenhum outro país com mais sofisticação de mercado financeiro como o Brasil. O nosso país é líder nesta área”

Almiro dos Reis Neto, presidente da ABRH (Associação Brasileira de Recursos Humanos)

“A cultura deve ser ‘funcional’ em relação à sua estratégia, ou seja, deve apoiar e sustentar a execução da estratégia da empresa”

 Enes Vilela, diretor de RH da Camargo Corrêa

“Se você quer poder, tem de merecer, atuar e, principalmente, gerar resultados. Sem engajamento, nada funciona”

“Atualmente são necessários seis brasileiros para o trabalho que apenas um estrangeiro desempenha. Isso é uma vergonha, nosso problema é produtividade”

Rodrigo Caserta, vice-presidente de atendimento ao cliente da Totvs

“O Mercado de TI na América Latina continua experimentando um crescimento significativo; apresenta taxa de crescimento estimada em 1,8 vez maior que a taxa mundial, alcançando 12,2% em 2012 e US$ 97 bilhões de faturamento”

registrado em: