Por que a diversidade deve estar no topo?

publicado 20/08/2021 11h14, última modificação 31/08/2021 16h05
Descubra como criar empresas mais inclusivas com Bayer e IBM
diversidade e inclusão nas empresas.png

Participe do Fórum de Diversidade e descubra como colocar essa pauta no topo da sua gestão.

A diversidade deve estar no topo da gestão organizacional e fazer parte do planejamento estratégico da empresa. Para isso, é importante desenvolver políticas, programas e ações que tornem a empresa mais diversa, e com isso, mais empática, tolerante e responsável.

No entanto, só contratar pessoas diversas não é suficiente, é preciso garantir a inclusão desses colaboradores, empoderá-los, ouvi-los e dar voz às minorias. Por isso, é fundamental construir uma cultura organizacional que defenda e celebre as individualidades de cada pessoa. 

Algumas organizações já entenderam a importância de colocar a diversidade e inclusão no topo e têm ganhado destaques como empresas referências no mercado. Confira 2 exemplos de ações práticas de diversidade:

 

O PROGRAMA DE TRAINEE PARA PESSOAS NEGRAS DA BAYER

A farmacêutica alemã Bayer Crop Science é uma das referências em diversidade e inclusão. A empresa química acredita que um ambiente de trabalho em que as pessoas são respeitadas por serem quem são contribui para a transformação e inovação da organização como um todo. Por isso, garante oportunidades iguais a todos os funcionários e tem desenvolvido uma cultura organizacional forte no tema, colocando a diversidade no topo.

Recentemente, Maurício Rodrigues, ex-VP de Finanças da Bayer no Brasil, assumiu o cargo de Presidente da empresa na América Latina. Maurício é negro e um dos criadores do “Liderança Negra Bayer” o Programa de Trainee 2021 da farmacêutica voltado para pessoas negras, com o objetivo de desenvolver novos líderes para o futuro que será diverso, inclusivo e plural. 

Além desse programa de trainee, a Bayer possui outras iniciativas internas como o Programa Wiser que tem como objetivo oferecer oportunidades e desenvolver mulheres na área de Tecnologia e Ciência; e os grupos de afinidade compostos por colaboradores voluntários, são eles:  All In (igualdade de gênero), Enable (pessoas com deficiência), Infinite (diversas gerações), Blend (LGBTQI+), BayAfro (étnico-racial), do qual Maurício Rodrigues é sponsor.

 

LEIA MAIS: Empresas que incluem diversidade estão à frente da sociedade, diz CEO da Bayer Crop Science

 

A PRIMEIRA MULHER A COMANDAR A IBM BRASIL

A multinacional de tecnologia IBM - International Business Machines Corporation - foi eleita pelo Ethisphere Institute como uma das empresas mais éticas do mundo em 2021.

Em 2021, a IBM ficou em 1º lugar no ranking LGBTQI+ no Great Place to Work®️ Brasil. No ano anterior, 2020, a empresa já tinha ficado entre as 5 melhores do mesmo ranking.

A #BeEqual é uma campanha da IBM que tem como objetivo promover ações e políticas que incentivam as pessoas a serem elas mesmas. Através da campanha, a organização sustenta seu pioneirismo em colocar a diversidade no topo da gestão, com pluralidade, coragem, inclusão e resiliência. 

Recentemente, a IBM nomeou Katia Vaskys como gerente geral da organização no Brasil. Ela se tornou a primeira mulher a comandar a empresa no país. Além disso, Katia também é sponsor executiva do time de diversidade e inclusão da IBM.

 

SAIBA MAIS: IBM explica como estruturar um programa de inclusão de diversidade na organização

 

POR QUE DIVERSIDADE DEVE ESTAR NO TOPO?

Para desenvolver empresas mais diversas e inclusivas, é preciso colocar essa pauta no topo da estratégia da organização, o que deve ser feito pela alta liderança. O apoio, suporte e investimento do CEO e da alta liderança da empresa são imprescindíveis para construir uma cultura organizacional que valoriza a diversidade de perspectivas e pensamentos. 

A diversidade deve estar no topo porque é crucial criar empresas socialmente responsáveis, preocupadas com a individualidade de cada ser humano que compõe o quadro de funcionários, pois o futuro será diverso e inclusivo, e as organizações devem se posicionar como pioneiras nessa transformação.

A diversidade deve estar no topo para que as empresas sejam mais criativas, produtivas, motivadas e saudáveis. Além disso, priorizar a diversidade e inclusão fomenta a competitividade corporativa e fortalece a reputação da empresa. 

 

ACELERANDO MUDANÇAS PARA CRIAR EMPRESAS MAIS INCLUSIVAS

Promover a diversidade e a inclusão nas empresas é uma agenda importante para desenvolver cidadãos mais responsáveis e empáticos. Criar um ambiente de trabalho de pluralidade de pensamentos, ideias e perspectivas, onde cada colaborador tem acesso às mesmas oportunidades, favorece esse processo de transformação organizacional e global atual.

Pensando nessa agenda, realizaremos nos dias 15 e 16 de setembro o Fórum de Diversidade e Inclusão. O evento será online e contará com a presença de CEOs, executivos e especialistas de diversas empresas nacionais e multinacionais que têm colocado a diversidade no topo de suas lideranças. Entre os painelistas, estarão Maurício Rodrigues, Presidente da Bayer Crop Science e Katia Vaskys, CEO da IBM Brasil.

Inscreva-se gratuitamente aqui e direcione o seu olhar para o futuro