Empresas familiares avançam, mas, lutam contra mortalidade na segunda e terceira geração

publicado 08/04/2014 11h23, última modificação 08/04/2014 11h23
Goiânia - Mesmo registrando crescimento de 77% nos últimos meses, empresas familiares mantêm estatística de que apenas 36% chegam à segunda geração, e 19% à terceira

Apesar do aumento exponencial (77%) na quantidade de empresas familiares no Brasil nos últimos meses desde 2013, estatísticas revelam que apenas 36% chegam à segunda geração, e 19% à terceira. Diante deste cenário, o Comitê Estratégico de Gestão Familiar da Amcham-Goiânia recebeu, em 25/3, Adamir Fiel e Guilherme Bicalho, Procuradores do Distrito Federal e Sócios Advogados da AB&DF
para discutirem a Blindagem Patrimonial e os Aspectos Financeiros (confira aqui a apresentação completa).

Dentre o planejamento reforçado pelos palestrantes, destaque para a criação de um conselho familiar, governança corporativa e a mitigação de riscos. A seguir, a íntegra da apresentação de  Adamir Fiel e Guilherme Bicalho, durante o Comitê Estratégico de Gestão Familiar da Amcham-Goiânia, em 25/03:

 

registrado em: