Da ponte pra cá: conheça a empresa de microcrédito do Santander que avançou fronteiras

publicado 02/03/2020 18h52, última modificação 02/03/2020 19h15
Brasil – O ‘Prospera’ é hoje uma das operações mais rentáveis do banco e com uma taxa de adimplência de quase 96%
Unidade de negócios oferece crédito e serviços a donos de negócios informais que não possuem meios de comprovar renda.jpg

Unidade de negócios oferece crédito e serviços a donos de negócios informais que não possuem meios de comprovar renda

O mundo é diferente da ponte pra cá. O verso famoso da música ‘Da ponte pra cá’, do grupo de rap Racionais MC’s, faz alusão ao paradigma da desigualdade no Brasil, que hoje ocupa a sétima posição no ranking mundial, segundo a PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento). À medida que a taxa de desequilíbrio social aumenta, 41,1% dos brasileiros que trabalham estão na informalidade, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad) mais recente.

Assim, para promover a inclusão financeira e contribuir para a geração de emprego e renda de milhares de brasileiros, o Santander criou o ‘Prospera’, unidade de negócios que oferece crédito e serviços a donos de negócios informais que não possuem meios de comprovar renda. A iniciativa foi a grande vencedora do Prêmio ECO Amcham & Estadão 2019, que terá a cerimônia de premiação no dia 04/03. As inscrições para acompanhar a premiação estão abertas aqui.

A dificuldade de comprovar renda é uma situação que historicamente sempre impediu a inclusão financeira de pequenos empreendedores no País. Com uso intensivo de tecnologia e o apoio de agentes contratados nas próprias comunidades, o objetivo do banco é quebrar esse ciclo e levar o Prospera, que existe desde 2002, para regiões distantes dos grandes centros do País. Desta forma, já foram mais de R$ 5 bilhões investidos para negócios de mais de 500 mil empreendedores em mais de 1500 municípios brasileiros.

Sabendo que hoje 41,1% dos brasileiros são trabalhadores informais, o Santander enxergou no problema uma oportunidade: a unidade de negócios é hoje uma das operações mais rentáveis do banco, tendo um ROE em 2018 de 47% (para efeito de comparação, o ROE do banco hoje é de 21%). A taxa de adimplência também é alta: quase 96%. Isso porque, além do crédito, o Prospera conta com agentes preparados para ajudar os clientes a abrir e manter empreendimentos saudáveis.

Sendo a instituição financeira que mais contribui com os negócios de baixa renda no País, o banco lidera a oferta de microcrédito produtivo e orientado entre os bancos privados, com 12% de market share. Em 17 anos, foram repassados cerca de R$ 6,6 bilhões a 770 mil microempreendedores formais e informais – sendo que 70% são mulheres.

Além do microcrédito, a oferta de valor conta com conta corrente, conta poupança, seguro, maquininha, entre outros serviços. Assim, o Santander mostra que impacto social, capacidade de escala e lucratividade podem se combinar harmonicamente em uma aliança poderosa para reduzir a desigualdade econômica e proporcionar a inclusão de um vasto número de pessoas até então invisíveis ao mercado.

 

VEJA OUTROS VENCEDORES DESSA EDIÇÃO:

Conheça os melhores negócios de tecnologia sustentável da 37ª edição do Prêmio ECO
Circular a economia: cases vencedores do Prêmio ECO contribuem com a preservação do ambiente
A comunidade importa: veja os melhores negócios sociais da 37ª edição do Prêmio ECO

 

O QUE É O PRÊMIO ECO?

Criado em 1982, o Prêmio ECO é a primeira ação brasileira de reconhecimento e divulgação de empresas e projetos que caminham para a sustentabilidade. Ele revela anualmente as empresas e startups referência em processos ou em produtos e serviços sustentáveis. Ao longo de três décadas, o ECO mobilizou 3.373 companhias nacionais e multinacionais, três mil projetos de sustentabilidade e 363 premiados.

Desde 2016, o Prêmio ECO é feito em parceria com o jornal Estado de São Paulo. Além de ações conjuntas de divulgação, a Amcham publica conteúdo exclusivo de sustentabilidade no blog Ecoando, sobre as principais práticas empresariais e tendências no universo da Sustentabilidade.