Procempa recebe Prêmio ECO 2012 por digitalização do Diário Oficial de Porto Alegre

por marcel_gugoni — publicado 21/11/2012 09h26, última modificação 21/11/2012 09h26
São Paulo – Projeto DOPA-e, da empresa de processamento de dados gaúcha, economiza 22 toneladas de papel
procempa_195.jpg

A Procempa, Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação de Porto Alegre, fez mais do que criar uma versão digital do Diário Oficial da cidade na internet. O desenvolvimento de uma nova plataforma eletrônica acelerou a produção editorial e permitiu economizar 22,7 toneladas de papel por ano, um trabalho reconhecido pelo Prêmio ECO 2012 na categoria Sustentabilidade em Processos da modalidade Práticas de Sustentabilidade.

Premiados: Amcham anuncia empresas vencedoras do Prêmio ECO 2012

A cerimônia de entrega da premiação será em 11/12, na sede da Amcham-São Paulo.

“A maioria dos municípios tem uma versão eletrônica do impresso”, disse Marcelo Roennau Lemos, supervisor de Marketing da Procempa. “O que fizemos aqui foi criar um sistema novo que renovou os processos internos de produção, resultando em menos trabalho. Para o leitor, demos a oportunidade de ele pesquisar o que quer, sem precisar abrir arquivos imensos e só então começar a procurar”, acrescenta o supervisor.

O projeto, chamado de Diário Oficial Eletrônico de Porto Alegre (DOPA-e), é um dos reflexos da política de descentralização administrativa de Porto Alegre e possibilitou aos poderes Executivo e Legislativo da cidade se responsabilizarem pelo próprio conteúdo – e sua diagramação –, o que baixou o tempo de produção e divulgação do diário de dez dias para um.

No novo sistema, todos os temas cadastrados na plataforma até as 16 horas ficam disponíveis para consulta na internet a partir do dia seguinte. Além da rapidez na divulgação, o sistema garante a autenticidade do documento consultado, possibilitando o uso da Certificação Digital.

Veja aqui quais são as vantagens de ser sócio da Amcham 

No último ano em que a versão impressa foi rodada, em 2010, a Prefeitura de Porto Alegre havia gasto R$ 400 mil e consumido 22,68 toneladas de papel. Quando o diário eletrônico passou a circular, essa despesa deixou de ser gerada.

O DOPA-e começou a tomar forma em 2009 e, após um período de testes de adaptação, foi oficializado em 2011 como veículo principal de comunicação, publicidade e divulgação dos poderes Executivo e Legislativo de Porto Alegre.

A migração da edição impressa para a online não foi significou apenas criar uma versão eletrônica do documento em PDF. A plataforma eletrônica estabeleceu mecanismos eficientes de busca, facilitando o acesso à edição do dia e às anteriores, desde a data de implementação. A ferramenta também permite a individualização de cada documento, com possibilidade de impressão.

Como a descentralização do processo deu maiores autonomia e responsabilidade aos órgãos emissores, ampliou-se controle do processo, o que tem se revertido em mais qualidade.

Quer participar dos eventos da Amcham? Saiba como se associar aqui

Para 2013, a Procempa estuda conectar o sistema ao RH. “Informações sobre promoções ou férias dos servidores devem entrar automaticamente no DOPA-e”, comenta Lemos.

O Prêmio ECO

A conquista do Prêmio ECO dará visibilidade ao trabalho da Procempa, observa Lemos. “Com isso, queremos que a comunidade e outras empresas se engajem no tema da sustentabilidade.”

A Procempa já havia vencido o Prêmio ECO em 2006, com o Projeto Pescar, que capacita estudantes pré-universitários na área de montagem e manutenção de computadores.

Lançado pela Amcham em 1982, o Prêmio ECO é pioneiro no reconhecimento de companhias que adotam práticas sustentáveis no Brasil. Desde 1982, o Prêmio ECO já mobilizou 2.117 companhias brasileiras e multinacionais. Elas foram responsáveis pela inscrição de 2.630 projetos.

registrado em: