Full Jazz, DPaschoal e Andrade Gutierrez ganham Prêmio ECO na categoria Modelo de Negócios

por giovanna publicado 17/11/2010 16h28, última modificação 17/11/2010 16h28
São Paulo – Companhias aperfeiçoaram gestão e estratégias com ênfase em responsabilidade social e preservação do meio ambiente.

Aperfeiçoar o modelo de negócios e as estratégias da organização com ênfase em responsabilidade social e preservação do meio ambiente foi a ação que conferiu vitória às companhias Full Jazz, DPaschoal e Andrade Gutierrez na categoria Sustentabilidade em Modelo de Negócios do Prêmio ECO 2010.

Visão ética e sustentável

 

O Grupo Full Jazz, composto pelas empresas Full Jazz Propaganda, Full Trends, Full Tecno e The Key, que atuam nos segmentos de comunicação e consultoria em gestão sustentável, arrebatou o troféu por sua proposta de negócio, um modelo inspirado nas premissas requeridas de uma banda de jazz: criatividade, ousadia, flexibilidade e espírito de equipe, tudo baseado em inovação alicerçada em princípios éticos e de sustentabilidade.

 

Para chegar a esse modelo, o grupo utilizou a metodologia das investigações apreciativas (Appreciative Inquiry), criada por David Copperrider, PhD da Case Western University (Cleveland, EUA), que prevê a total reformulação interna das companhias, pautando-as em ações planejadas a longo prazo, que avaliem constantemente os resultados alcançados. O caminho incluiu adotar integralmente a sustentabilidade, em estratégias, operações e propostas de serviços oferecidos aos clientes, utilizando comunicação e mídia como ferramenta de expansão da consciência humana sobre os temas sustentáveis.

 

A Full Jazz adotou algumas medidas para chegar ao patamar de negócio desejado, como investimentos no aprimoramento profissional de líderes e colaboradores e criação da Conteúdos com Conteúdo, companhia responsável pelo desenvolvimento da plataforma multimídia Mercado Ético, que produz programas voltados à disseminação de práticas de sustentabilidade, presente em internet, TV e rádio.

 

O grupo também iniciou processos de “descarbonização” (minimizar emissões de carbono) das atividades, processo em que conta com a parceria da Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem.

 

“Entendemos sustentabilidade como consequência prática de uma profunda apreciação pela vida. Do ponto de vista econômico, entendemos como positivos os resultados que atendam, simultaneamente, às diferentes demandas às quais nosso trabalho é direcionado (acionistas, colaboradores,  clientes, as comunicações e o planeta). Como produtores de ideias, temos a missão de disseminar nas pessoas conceitos de sustentabilidade, que se autoesterilizam se não houver um contínuo processo de ampliação da consciência. Para todos do grupo e nossos clientes, a vitória no Prêmio ECO tem grande valor, pois referencia uma vez mais a legitimidade de nossa diferenciação no setor de comunicações”, destacou Christina Carvalho, presidente do Grupo Full Jazz.

 

Economia verde


A DPaschoal, especializada no segmento automotivo de pneus, baterias, amortecedores e freios, foi reconhecida pelo ECO por seu programa Economia Verde, lançado em 2007. O foco é ajudar o cliente a gastar menos, ensinando-o sobre a importância da realização de análises preventivas no veículo por meio de dicas práticas de redução do consumo de pneus, combustível e peças em até 25%. Ao mesmo tempo, a ideia é reforçar nas ações do próprio grupo a necessidade de preservação do planeta para as próximas gerações.

 

O Economia Verde traz uma série de subprojetos e ações voltados à conscientização de toda a sociedade. Entre eles, estão o Gestão Verde de Frotas, o Treinamento de Direção Econômica e os Pit-Stops Verdes, desenvolvidos para nichos específicos para disseminar informações sobre o consumo sustentável de produtos e serviços através de materiais, cursos e treinamentos baseados na filosofia SER, que significa Sustentabilidade, Educação e Responsabilidade.

 

Luís Norberto Pascoal, presidente da DPaschoal, afirma que não é possível mais gastar sem pensar no futuro, o que requer das empresas a oferta de maior qualidade. “Temos de orientar o cliente para que entenda a responsabilidade de pequenas atitudes com o veículo que podem fazer grande diferença para nosso amanhã. Estar entre as vencedoras do Prêmio ECO 2010 coroa os esforços e as iniciativas que a empresa, junto aos colaboradores, parceiros e clientes, vem fazendo durante seus 61 anos de história”, disse.

 

Compromisso com o equilíbrio ambiental

 

A Construtora Andrade Gutierrez, do Grupo Andrade Gutierrez (AG), levou o Prêmio ECO pelo Sistema de Gestão Integrada (SGI), que segue estratégias da organização baseadas em valores como criação de negócios crescentes no longo prazo, preocupação com a integração da comunidade, valorização e desenvolvimento da força de trabalho local, e compromisso com o equilíbrio ambiental.

 

O SGI é certificado desde 1999 por normas de qualidade, tais quais o ISO 9001, e vem sendo estruturado e melhorado continuamente. Uma das ferramentas utilizadas nesse processo é o Balanced Scorecard (BSC), que acompanha indicadores sobre o andamento das operações e dos projetos corporativos que levam benefícios à empresa, ao meio ambiente e às comunidades no entorno das obras.

 

No bojo do SGI, a construtora gerencia emissões de gases causadores de efeito estufa, investimentos em eficiência energética, combate ao desperdício e programas de conscientização. Também estimula o engajamento das comunidades próximas às obras e agrega valor nos locais tem sedes. Outro destaque é a busca da inovação, observando ganhos econômicos, ambientais e sociais.

 

A Construtora Andrade Gutierrez considera a conquista do Prêmio ECO um grande reconhecimento. “Agradecemos a oportunidade de mostrar nosso trabalho e o objetivo da Andrade Gutierrez de construir infraestrutura, conciliando desempenho econômico e respeito às comunidades nas quais estamos inseridos, prevenindo ainda todo e qualquer tipo de degradação ambiental que possa originar-se de nossas atividades”, comentou Érico Torres, diretor de Qualidade e Sistemas da AG Construtora.

registrado em: